Aparelho autoligado: entenda tudo sobre!

Uncategorized
Aparelho autoligado

Escrito por Aditek

março 2, 2021

O aparelho autoligado está sendo cada vez mais buscado no mercado de produtos ortodônticos, principalmente, devido aos seus benefícios em relação aos modelos convencionais. 

Essa evolução da ortodontia elevou os tratamentos ortodônticos para outro patamar, tornando-se uma solução ideal para os ortodontistas que desejam oferecer soluções inovadoras para os clientes. 

Quer entender mais como funciona esse modelo de aparelho, os seus tipos e quais são as suas vantagens? 

Fique com a gente!

O que é e como funciona o aparelho autoligado?

O aparelho autoligado é  um tipo de aparelho fixo, que se caracteriza por dispensar o uso das ligaduras elásticas para prender o fio ortodôntico. 

Neste modelo, os bráquetes possuem uma estrutura que segura o arco no slot por meio de um clipe.

Gif exemplificando como funciona o clipe do bráquete autoligado. O modelo utilizado é o EasyClip+.

Devido a essa mecânica, o modelo gera menos atrito entre o fio e o slot  resultando em um tratamento com uma força menor e maior conforto ao paciente. 

Além disso, os bráquetes de autoligado são encontrados de duas formas diferentes: o passivo e o interativo. 

Aparelho autoligado: modelo passivo x interativo 

Cada modelo do aparelho desempenha funções específicas e permitem ao dentista oferecer um tratamento mais personalizado de acordo com cada caso. 

Bráquete autoligado passivo

No autoligado passivo, o sistema de fechamento funciona como uma canaleta que não faz pressão sobre o arco, dessa forma, garante maior liberdade ao fio ortodôntico. 

Bráquete autoligado passivo
Bráquete autoligado passivo do modelo EasyClip+ da Aditek

O modelo passivo gera uma menor fricção na mecânica de deslizamento e, com isso, permite uma maior liberdade de movimento dos dentes.

Ele é mais indicado para casos onde necessita fechar espaços entre dentes, como o caso de diastemas, por exemplo.

Bráquete Autoligado Interativo 

No modelo interativo, o sistema de clipe pressiona o fio ortodôntico dentro da canaleta do bráquete, permitindo um maior controle de torque e rotação dos dentes. 

Bráquete autoligado interativo do modelo EasyClip+ da Aditek

De maneira geral, a escolha do tipo de bráquete autoligado utilizado no tratamento vai depender das especificidades e necessidades da má oclusão do paciente. 

Além disso, é possível combinar os dois bráquetes em um mesmo tratamento, originando o sistema híbrido. 

4 Vantagens do aparelho autoligado 

Com a geração de menor atrito, ausência de borrachinhas e a presença dos modelos interativo e passivo, o aparelho autoligável se torna muito mais funcional e traz diversos benefícios: 

1.Maior higiene para o paciente

As borrachinhas elásticas utilizadas no tratamento ortodôntico com aparelho convencional tendem a prender inúmeras partículas em suas extremidades, tornando difícil a higienização completa do aparelho. 

Além disso, ocorre um acúmulo menor de placa bacteriana no modelo autoligado.

2.Diminuição da dor 

Com o uso do braquete autoligado, o tratamento torna-se mais suave devido ao menor atrito entre slot do bráquete e o fio, gerando  menos dor ao paciente. 

É válido ressaltar que a dor é uma das objeções principais para as pessoas não realizarem um tratamento ortodôntico e, com isso, o autoligado se torna uma ótima alternativa.

3.Otimização da prática clínica 

A ausência de borrachinhas, faz com que a manutenção ocorra de maneira mais rápida e eficaz, diminuindo o tempo de cadeira do ortodontista. 

Além disso, as manutenções ocorrem em períodos mais espaçados, geralmente de 2 meses, permitindo que o profissional abra mais espaços em sua agenda para atender mais clientes.

4.Menor tempo de tratamento 

Um estudo antigo, constatou que o autoligado diminui cerca de 4 meses o tempo do tratamento ortodôntico quando comparado ao braquete convencional. 

Porém, com a prática clínica, os ortodontistas que utilizam o sistema chegam a relatar uma diminuição de até 30% no tempo.

Porém, esse é um benefício que depende de outras variáveis como o comprometimento do paciente e a complexidade do caso.

Conclusão: o aparelho autoligado é a melhor opção

Desde sua mecânica até a sua funcionalidade, os bráquetes autoligados são uma alternativa muito benéfica ao uso dos aparelhos convencionais.

Com eles é possível otimizar a prática clínica, reduzir as dores e objeções do paciente e, dessa forma, garantir um tratamento mais valioso. 

Se você é um ortodontista, sem dúvidas, oferecer esse produto ortodôntico aos seus pacientes fará a total diferença no seu reconhecimento como profissional. 

Uma ótima opção é o sistema autoligado EasyClip+ da Aditek, o mais completo do mundo!

Neste post, explicamos detalhadamente todos os diferencias do EasyClip+, cofira!

O modelo possui mais de 250.000 casos instalados pelo mundo e é o único modelo autoligado brasileiro com patente exclusiva nos EUA.

Gostou do nosso conteúdo? Deixe sua dúvida ou sugestão nos comentários.

Acompanhe o nosso blog para mais conteúdos valiosos!

Contribuições de especialista para o texto:

Thalita Crosara Nogueira

CRO: Sp 121314

Você também pode gostar…

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »